04 09
Arte / Cultura

Mondrian e o Movimento de Stijl

Por Diana Monteiro

Depois de Inhotim, eu e Rica ainda estávamos no clima de fazer passeios culturais e aproveitamos para ir no Circuito da Liberdade, em BH. Trata-se do maior conjunto integrado de cultura do Brasil. Os antigos prédios públicos passaram por transformações e viraram espaços interativos. Em busca de espelhar a diversidade, o circuito conta com acervos históricos, artísticos e temáticos; centros culturais interativos; biblioteca e espaços para oficinas, cursos e ateliês abertos; além de planetário, cafeterias, restaurantes e lojas. Tudo isso ao redor da Praça da Liberdade.

mapa do circuito cultural da liberdade - maisondadi

Nós já tínhamos ido em 2012, mas como o CCBB e a Casa Fiat recebem diversas exposições, fomos ver o que estava em cartaz. E para a minha surpresa, um dos meus artistas favoritos estava na Casa de Cultura com a exposição Mondrian e o movimento de Stijl, que é a mais completa exposição sobre esse incrível legado realizada na América Latina. Ou seja, programa imperdível!

mondrian-exposicao-maisondadi

exposicao-mondrian-maisondadi

mondrian composicao II - exposicao - maisondadi

Logo na entrada, além de um espaço interativo virtual, você também pode se inserir na obra Composição II. É só colocar o celular no local indicado para que a câmera capture as cores primárias da obra, com você dentro! Depois de 300 cliques, conseguimos um legal. Obrigada, amor! hahaha

piet mondrian - maisondadi

piet mondrian autorretrato

Como eu amo exposições! Sempre saio mais informada e inspirada! O prazer é o mesmo de quando saio pra comer, não tem nada melhor! E o legal dessa exposição é que ela possibilita percorrer por todo o trabalho de Piet Mondrian e a turma da revista holandesa De Stijl, que foi o meio de divulgação escolhido pelos participantes do movimento, para apresentar os princípios dessa arte.

mondrian rica

cubismo arte

mondrian arte

Pelas suas obras iniciais, podemos perceber que Mondrian sofreu grande influência dos pintores pós-impressionistas Van Goh e Paul Cézanne e o do cubista Picasso. Com paletas em tons pastel e claras, começou a criar uma abordagem sistemática, lá pelo ano de 1911, muito presente também nas obras posteriores.

movimento de stijl belo horizonte

movimento de stijl e mondrian

mondrian-arte-exposicao

A De Stjl foi fundada no ano de 1917 como revista, pelo escritor, poeta e crítico de arte Theo van Doesburg, depois se tornou um movimento de arte e terminou como uma ideia que se infiltrou na própria cultura moderna, sendo a mais importante do século XX. Foi aí que desenvolveu-se uma rede, com a parceria de diversos profissionais, entre eles artistas, arquitetos e designers.

arquitetura cubista

movimento de stijl exposiçao

O potencial radical da arte e da arquitetura anunciava uma sociedade futura e aberta a mudanças. As pinturas abstratas de Mondrian representavam um modelo da nova consciência. Ao contrário do Bauhaus, os artistas da De Stijl não iam atrás de padronização, estavam destinados a encontrar soluções desafiadoras. E não é que conseguiram?

mondrian classic

mondrian classico

Vale falar que, se você não gosta de ambientes coloridos, está lascado! Isso porque, para conversar com as obras e as escolhas das cores usadas, diversos ambientes foram pintados. Muita saturação nas paredes de cores amarelas, azuis, laranjas e vermelhas. Eu, como uma boa color addict, não poderia ter ficado mais feliz. Amei!

Serviço
CCBB – Mondrian e o movimento De Stijl
Praça da Liberdade, 450 – Funcionários
Belo Horizonte – MG (31) 3431-9400
Quarta a segunda das 9h às 21 horas
ccbbbh@bb.com.br



Deixe seu comentário


Nenhum comentário

@maisondadi no instagram