11 02
Beleza

Sardinhas alternativas

Por Diana Monteiro

Embora eu ame produzir, criar, fotografar e editar, eu não curto o Carnaval. Adoro me fantasiar, mas a festa em si, não me agrada em nada. Podem me chamar de chata, mas eu não consigo ir pras ruas pular em blocos, detesto o calor e o suor excessivo, a multidão, as músicas… Mas veja bem, nada contra quem gosta ou ama. Cada um faz o que quer, não é mesmo?

Mas como qualquer motivo que me leva a fazer algo fora do dia dia, o post de hoje não poderia ser diferente! O carnaval está próximo e com ele, veio a inspiração pra fazer umas sardinhas diferentes! Falo diferente pois com o boom do glitter no mundo da moda e da beleza, quis fugir um pouco do óbvio, criando minhas versões com formas brilhantes.

Sou por natureza cheia de sardinhas (ainda mais quando fico no sol por um breve tempo) e sinais e amo isso! Mas infelizmente sou viciada em maquiagem e não consigo deixar de passar base diariamente (quando tenho que sair). Isso porque não consigo me acostumar com as leves manchas avermelhadas que tenho pelo rosto, além das olheiras que insistem em me atormentar (resultado de madrugadas editando). Ainda sonho com o dia que conseguirei me livrar disso, quando usarei somente quando realmente quiser. Mas enquanto esse dia não chega, tento ao máximo fazer ‘makes nada’ e menos pesadas, com ar natural. Um passo de cada vez!

Antes de mostrar o resultado, algumas ‘desculpas’:
Ignore o fato dos cantos do meu rosto (assim como grande parte do pescoço) estarem brancas e/ou rosadas. Ontem passei a noite testando a make que farei no Ricardo pra próxima produção da série #11AnosDiRica… E a bosta do pancake não sai por nada nesse mundo! hahaha O outro ponto é a pele estranha. Não que eu precise me justificar quanto aos cuidados que tenho com ela, mas porque percebi na edição que a base está craquelada em certos lugares. Consequência de uma pele desidratada que sofreu essa semana pelo exagero de make… rs.

A ideia era fazer algo simples, charmoso e pro dia a dia do feriadão do Carnaval (embora em usaria fácil em alguma festa ou reunião com os amigos). A primeira make fiz com florzinhas douradas, como se fossem mini margaridas. Com o miolo vazado, a flor remete ao desenho sessentista das padronagens da época. E como adoro a cor, pra mim o resultado ficou inspirador!

Já pra segunda make escolhi um mood romântico Maria Antonieta, mas só quando tava tirando foto que percebi que, dependendo da luz, as bolinhas ficavam super pink, quase que fluor, não curti! Por isso, fiquei procurando ângulos de lado que refletissem o furtacor do brilho delas.

E por último, outro tipo de florzinha, mas dessa vez com as pétalas mais espaçadas, com miolo, maiores e na cor prata. Achei que ficou uma vibe 90s, pois lembro que tinha adesivos bem parecidos.. rs! Optei por colocar somente nas maçãs do rosto, deixando o nariz livre. Uma ótima sugestão de make simples e super acessível! Sem falar que é fácil de fazer e não demora mais de 5 minutos.

Como colar?
Super simples! Usei um brilho labial que tenho, na cor pêssego, o que foi ótimo pois até deu uma corzinha embaixo das sardinhas aplicadas. Usei uma pinça pra aplicar as florzinhas e as bolinhas rosas furtacor, fui com o dedo mesmo, dando leve batidinhas até fixar no brilho.

 



Deixe seu comentário


Nenhum comentário

@maisondadi no instagram