15 02
Headline

Procura-se um Amigo para o Fim do Mundo

Por Diana Monteiro

Recentemente vi o filme “Procura-se um Amigo para o Fim do Mundo”. Despreocupada com o que poderia ver (depois de uma semana desastrosa só vendo porcarias), tive boas surpresas.

O filme tem uma levada gostosa e divertida. A história é ambientada nos USA, com a proximidade do fim do mundo. Em 3 semanas tudo estará acabado, culpa do meteoro Matilda que, apesar das infinitas tentativas, não foi possível destruí-lo.

Com pitadas de sacarmos, Lorene Scafaria, diretora do filme, conduz a história como ninguém. Sem o clichê do cinismo, seu humor apenas ajuda a ilustrar as situações vividas pelos personagens. Vemos alguns revoltados com o destino, incapazes de aceitar o fato e os diferentes (mas que no fundo vi semelhanças com algumas atitudes e ideais meus) Dodge e Penny, representados por Steve Carrel e Keira Knightley. A química entre dois é incrível.

Dodge, um melancólico de meia idade que acabou ficando solteiro e tenta agir com a maior naturalidade, seguindo sua rotina. E a outra, sua jovem vizinha que tem como passatempo ouvir discos de vinil e fumar maconha como hipnótico para se livrar da insônia.

No meio do desespero de não saber o que fazer, nada melhor do que conhecer um completo estranho apenas uma semana antes do mundo acabar para tentar trazer a paz interior de volta. Obviamente o final não é feliz, mas nos deixa pensando… Vi como se fosse uma crítica do que a humanidade vê como pontos importantes, o que é realmente  relevante e crucial.

Ótimo filme para quem não gosta do “formato filme fim de mundo de ser”. Visto por um ângulo totalmente direfente.

Filme:
“Procura-se um Amigo para o Fim do Mundo”.

Direção:
Lorene Scafaria

Atores:
Steve Carell e Keira Knightley

Gênero:
drama, comédia (leve)



Deixe seu comentário


Nenhum comentário

@maisondadi no instagram